Covid-19 | Prefeitura decreta ‘lockdown light’ em Ribeirão Preto

A medida passa a valer a partir desta quinta-feira (27) e vai até o dia 31 de maio, podendo ser estendida

Com aumento expressivo no número de novos casos e de pessoas internadas nos leitos da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para Covid-19, a Prefeitura de Ribeirão Preto decidiu decretar um aumento nas restrições de combate à doença. A possibilidade de lockdown havia sido divulgada, com exclusividade, pelo Portal do Grupo Thathi na última semana. A medida passa a valer a partir desta quinta-feira (27) e vai até a próxima segunda-feira (31) e poderá ser estendida. 

De acordo com as medidas, escolas (estaduais, municipais e particulares), transporte coletivo e comércio não poderão funcionar. Ao contrário do primeiro lockdown da cidade, realizado em março, indústrias e agências bancárias poderão funcionar, além dos serviços essenciais.

Além disso, ficam proibidas as reuniões de pessoas nas ruas e segue mantido o impedimento da circulação de pessoas entre 21h e 5h.

Em live nas redes sociais, o prefeito Duarte Nogueira afirmou que a decisão foi tomada para que a cidade possa diminuir os índices da pandemia, que, atualmente, estão elevados e garantir insumos e leitos para atendimento de todos os infectados. “O que estamos fazendo é tomar medidas para que ninguém fique sem equipamentos, como não aconteceu até agora. 

Ocupação 

A decisão vem após a cidade atingir 97% de ocupação em leitos de UTI, nesta segunda-feira (24), segundo a plataforma LeitosCovid.org.  A porcentagem representa 299 leitos ocupados em um total de 308. Ao todo, 206 respiradores estão em uso. Além disso, Ribeirão tem mais de 76,7 mil casos confirmados da doença e duas mil mortes, desde que a pandemia começou. 

Além disso, Ribeirão Preto teve fila de espera com 148 pacientes aguardando por um leito, de acordo informação confirmada pela Secretaria de Saúde na última quarta-feira (19). Segundo o Secretário da Saúde, Sandro Scarpelini, nesta segunda-feira (24), a cidade atingiu o total de mortes por covid de todo o ano anterior, quando registrou 1.043 óbitos pela doença. 

Restrições 

A prefeitura anuncia neste momento quais serão as medidas adotadas e em breve informaremos mais detalhes. 

Nenhuma postagem para exibir