Polícia prende suspeitos pela morte de jovem que foi linchado em Américo Brasiliense

Leonardo Henrique da Silva, 18, foi espancado por moradores no dia 22 de setembro, depois de agredir um idoso e ameaçar a ex-namorada; acusados foram detidos nesta quarta (6)

A Polícia Civil prendeu, nesta quarta-feira (6), cinco pessoas suspeitas de estarem envolvidas no espancamento seguido de morte de um jovem em Américo Brasiliense. O caso ocorreu no dia 22 de setembro, no bairro São Judas Tadeu. 

De acordo com os agentes, os detidos são acusados de participarem na morte de Leonardo Henrique da Silva, 18, que foi linchado após agredir um idoso e ameaçar a ex-namorada com uma faca. O rapaz tinha acabado de sair da Fundação Casa. 

Após ir até a casa da ex, o jovem fugiu quando a polícia foi acionada.  Entretanto Silva tentou entrar na casa da mulher novamente, mais tarde, mas foi cercado por desconhecidos que o agrediram com uma barra de concreto, além de pedaços de madeira. 

Logo após a violência, os envolvidos fugiram e a Polícia Militar foi acionada. Silva chegou a ser encontrado com o crânio amassado. Uma equipe da Unidade de Suporte Avançado (USA) foi acionada e constatou a morte do rapaz.