Vídeo | Filho do prefeito Duarte Nogueira é flagrado tocando em festa clandestina em Ribeirão Preto

Música ao vivo em eventos, de acordo com a própria prefeitura, não está liberada na cidade

Dupla durante a performance na festa clandestina - Foto: Reprodução

Um vídeo divulgado nas redes sociais na noite deste sábado (5) mostra Tony Nogueira, filho do atual prefeito de Ribeirão Preto, Duarte Nogueira (PSDB), se apresentando musicalmente em um evento clandestino em Ribeirão Preto. 

No vídeo, Tony aparece tocando violão e cantando ao lado de Christian Stilck, que compõe a dupla com o filho de Nogueira. É possível também ver um grupo de pessoas aglomerando, sem a utilização das máscaras de proteção individual ou o distanciamento social mínimo, de 1.5 metros dividindo as pessoas. 

Como divulgado pelo governador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB), nesta sexta-feira (4), a cidade foi rebaixada para a zona laranja de classificação do Plano São Paulo, que estuda a reabertura gradual do estado devido a pandemia da Covid-19. A medida, que vale a partir desta terça-feira (8), não permite a realização de qualquer evento na cidade. 

Música ao vivo

Mesmo considerando que Ribeirão Preto, no momento do vídeo, ainda estava classificado na fase amarela do Plano São Paulo, a Prefeitura de Ribeirão Preto não autoriza a apresentação de músicas ao vivo no município. 

A informação foi divulgada pela própria prefeitura através de uma nota, onde a mesma fala que, devido a quarentena, não está permitido a apresentação de músicos ao vivo. 

Outro lado

Um pedido de esclarecimento foi encaminhado para a Prefeitura de Ribeirão Preto, onde foi questionado sobre a permissão para o acontecimento do evento e as medidas legais de penalização, mas a entidade decidiu não se manifestar sobre o assunto. 

A reportagem também procurou o promotor Wanderley Trindade, que informou que irá investigar o caso, dizendo ainda que a lei será aplicada sem distinção.

Boletim Epidemiológico

De acordo com o Boletim Epidemiológico divulgado neste sábado (5), Ribeirão Preto ultrapassou o número de 600 mortos em decorrência da infecção por covid-19. Com os quatro casos registrados no primeiro dia do final de semana, o total chegou a 603.

O número de casos, segundo o Boletim, atinge, aproximadamente, 22.9 mil exames positivos desde o início da pandemia, em março. 

Fiscalização

Também nesta sexta-feira (4), Agentes da Fiscalização Geral e Guardas Civis Municipais que realizaram operações de fiscalização foram expulsos de, pelo menos, dois bares na zona Oeste da cidade.

Em um bar lotado, guardas e agentes da fiscalização foram alvos de vaias e insistentes pedidos. Houve xingamentos e os usuários comemoraram quando os guardas deixaram o local. “Vai lá fechar a favela. Vai lá fechar a Fiúsa”, disse um dos frequentadores. Outro, mais exaltado, chamou os servidores públicos de “bostas”.

Denúncias de infrações às regras da quarentena podem ser feitas pelo telefone 153.

Texto atualizado às 13:51

Nenhuma postagem para exibir