Moradores reclamam da UBS Zeferino Vaz que está fechada há dois anos para obras em Ribeirão Preto

Obra deveria ser entregue este ano, mas entrega foi adiada para fevereiro de 2020.

Unidade de Saúde do Quintino I - Foto: Divulgação
Continua depois da publicidade

A unidade de saúde Zeferino Vaz, que fica no bairro Quintino Facci I, zona Norte de Ribeirão Preto, está fechada desde novembro de 2017. Moradores reclamam da dificuldade para ter que ir em postos em outros bairros mais distantes para conseguir atendimento. 

O prédio foi fechado para uma ampliação dos atuais 380 para 800 metros quadrados, com previsão de entrega em um ano. Segundo moradores, as promessas eram de que teria uma sala de raio x e sala de vacina.

Há um muro que começou a ser construído e mas não terminaram. “Agora fica tudo exposto para ser roubado. Tem caixa d’água e tijolos lá dentro”, disse Cleusa Roberto. Em vários pontos há concertinas nos muros e portões, mas não é o suficiente para evitar que entrem no local. Segundo os moradores, depois que outras equipes de reportagem foram até o posto, colocaram um vigilante. 

Os funcionários da empresa que estava realizando as obras na unidade de saúde paralisaram as atividades no final de setembro deste ano por falta de pagamento dos salários.

Segundo a usuária da unidade Solange Pereira de Souza que tem uma filha especial de 23 anos, ela vai a pé até o posto da Vila Mariana para conseguir os remédios e fraldas. 

“Levo de meia hora a 40 minutos a pé até o posto para pegar os remédios para minha filha. Passo no João Rossi para pegar fralda. Ela tem vacina atrasada, por ter mudado o posto, há dois anos. Ela tem 23 anos e tem dificuldade para andar, sempre tem que conseguir alguma carona para levar ela quando precisa,” disse Solange. 

Reforma

Fechada em novembro de 2017, há quase dois anos para reforma, a obra deveria ter sido entregue em fevereiro deste ano. O prazo foi prorrogado para novembro e recentemente ficou para fevereiro de 2020. O custo da obra é de R$ 895 mil.

A nova estrutura deve contar com farmácia, salas de pré-consulta, inalação, curativos, vacinas, coleta e raio x, além de banheiros adaptados. As áreas de espera também devem ser ampliadas.

Até que a obra seja finalizada, as consultas de pediatria, ginecologia e clínica médica e a coleta de exames estão sendo realizadas na UBS do bairro Vila Mariana, que fica a dois quilômetros da UBS Zeferino Vaz. Já os atendimentos odontológicos foram remanejados à UBDS do Quintino Facci II, que fica a quatro quilômetros do posto de saúde.

 

 

Nenhuma postagem para exibir