Acesse também: NOVA BRASIL    TVTHATHI   DIFUSORAFM   79AM

AO VIVO

Rádio 79 AM

RIBEIRÃO PRETO – SP





[MEC id="24849"]

HomeBlogCorneta do SchiavoniQuando o corneta está na Câmara, sempre tem treta. Confira a coluna...

Quando o corneta está na Câmara, sempre tem treta. Confira a coluna com os bastidores

Meus cornetinhas, hoje é sexta-feira e vamos, de bate pronto, a mais uma edição do Corneta na Câmara, sem mais delongas, já que a cerveja já está trincando e é um crime fazê-la esperar para ser degustada. Confira, com pimenta, tudo o que rolou nos bastidores da sessão de ontem.

ITBI à vista

A sessão de ontem demorou uma hora a mais que o normal para começar. Apedido de André Trincade (DEM), uma reunião com os vereadores foi convocada. O motivo: técnicos da Secretaria da Fazenda foram falar com os vereadores para explicar o projeto que prevê o aumento do ITBI.

SUBSTITUTIVO

Depois da repercussão ruim que a medida causou, ficou acordado que uma alteração na proposta irá ocorrer. Quem pagar o imposto no ato continuará a pagar os 2% atuais. Quem pagar depois, terá que pagar 3%. A mudança deve ser concretizada nas próximas semanas.

BRIGA DE EGOS

Orlando Pessoti (PDT, por enquanto) não escondeu a insatisfação com o amigo Marcos Papa (Rede). A contenda aconteceu por conta da decisão do parlamentar da Rede  de falar sobre o projeto Ruas Abertas, que recentemente fechou a avenida Nove de Julho para uso popular, em Ribeirão Preto. Papa defendeu medidas nesse sentido em um discurso logo no início da sessão. Pessoti, entretanto, é o autor da ideia e queria falar primeiro sobre o assunto. “Aí ele me complica, eu tenho que falar sobre esse tema”, disse Pessoti, que reclamou de ter sido “passado para trás” pelo companheiro.

RECLAMAÇÃO

Indignado, Pessoti não escondeu a decepção. Ao recepcionar Papa após o discurso, reclamou, em alto e bom som. “Você não deixou eu falar, era pra eu ter falado primeiro”, disse, batendo de leve na mesa. Papa contemporizou. “Depois você fala pela liderança”,disse. Pessoti não falou. “Agora já foi”, disse, ao ser questionado pelo corneta.

MAIS EGO

Maurício da Vila Abranches (PTB) foi outro a esbravejar. Em um discurso duro, criticou vereadores que “roubam” indicações dos outros. A reclamação é que parlamentares, cientes de problemas encaminhados por outros colegas e que são resolvidos, mandam cartas assumindo a autoria das indicações para a população dos bairros. “Tem uns quatro aqui que vivem disso. Isso é política suja”, disse, ao corneta. Questionado sobre a quem direcionava a alfinetada, ele disse. “É só pegar a pauta de requerimento e ver. Esses quatro são dose”, disse.

REBATE

O parlamentar foi rebatido, na tribuna da Câmara, por Bertinho Scandiuzzi (PSDB, por enquanto). “Quer dizer que vereador agora não pode indicar? Não entendi isso”, disse, ao corneta. Um dos vereadores, mais atento, constatou: “Começou o período eleitoral, agora vai ser isso”. O corneta deu risada e concorda.

GRANDE CONFRONTO

Quem tem mais de 30 anos e gosta de futebol certamente já acompanhou um jogo de aspirantes. Eram aquelas partidas, geralmente de juvenis, que antecediam ao jogo principal. Não valia quase nada, mas a torcida adorava, gritava gol, se divertia, geralmente tomando uma gelada. Pois bem, todas essas tretas foram o jogo de aspirantes para a grande treta mãe, protagonizada pelos vereadores Rodrigo Simões (PDT) e Elizeu Rocha (PP), retratado em matéria do Grupo Thathi e que, por isso, não abordaremos em detalhes aqui. Mas fica a constatação. Os nobres edis da cidade estavam com a macaca na sessão de ontem.

CIRCO

Orlado Pessoti, por sinal, resumiu bem o que o corneta achou de tudo. Ao acompanhar o discurso de um colega, ao lado do balcão da imprensa, não resistiu ao impeto jornalístico e cornetou os colegas: “Se colocar uma lona, vira circo isso aqui”. Eu acrescentaria: do tipo mambembe.

LICENÇA

A Câmara aprovou licença média de médica para o vereador Marinho Sampaio (MDB). A reportagem tentou, mas não conseguiu saber exatamente o motivo, mas deseja pronta recuperação ao parlamentar. Não será necessária a convocação de um suplente. Na próxima semana, Marinho deve estar de volta.

- Advertisment -
- Advertisment -
Eduardo Schiavoni
Editor-chefe do Portal do Grupo Thathi