Observatório de Araçatuba solicita à Prefeitura criação do Conselho de Transparência e Combate à Corrupção

O objetivo é que esse conselho auxilie na criação e implantação de uma Política Pública Municipal de Transparência e Controle Social

O Observatório Social do Brasil, em Araçatuba (SP), está solicitando à Prefeitura a criação do Conselho Municipal de Transparência e Combate à Corrupção.

O objetivo é que esse conselho tenha atribuições consultivas e deliberativas, assim como auxilie na criação e implantação de uma Política Pública Municipal de Transparência e Controle Social.

De acordo com o observatório, o conselho deve se pautar por critérios objetivos para melhorar a eficiência do gasto, com base em indicadores, estudos, pesquisas e diagnósticos para verificar o cumprimento de metas e os resultados obtidos pela gestão dos recursos públicos. A entidade solicita à prefeitura que disponibilize suporte humano e físico para o desenvolvimento dos seus trabalhos.

Essa solicitação atende ao item 18 do termo de compromisso de combate à corrupção que o prefeito Dilador Borges e a vice-prefeita Edna Flor assinaram com o Observatório Social em novembro do ano passado.

Na ocasião, todos os candidatos a prefeito e a vice assinaram com a organização por meio do projeto De olho Nas Eleições 2020.

Nenhuma postagem para exibir