Hackers tomam controle do Ministério da Saúde

O ataque, é semelhante ao sofrido pelas Loja Renner em Agosto

Foto - Mensagem dos Hackers no Site do Ministério da Saúde

Hackers invadiram o site do Ministério da Saúde (https://www.saude.gov.br/) e ameaçaram bloquear permanentemente todo o conteúdo presente nele, a invasão ocorreu por volta de 2 da da madrugada de hoje (10).

Ao que tudo indica, os invasores se utilizaram de um ransomware, conhecido por ser um ataque hacker do tipo que consegue acessar dados de um determinado sistema, e então bloqueia tudo até que um valor X seja pago aos criminosos.

Em mensagem deixada pelos piratas virtuais, é dito que cerca de 50 terabytes de dados foram copiados e excluídos, e caso o Ministério da Saúde e o Governo Federal desejem que esses dados sejam salvos, que eles devem entrar em contato com o grupo e pagar uma quantia de resgaste, caso contrário, os dados roubados devem se perder e acabar afetando o sistema de saúde do país como um todo.

Estariam inclusos nos arquivos roubados, informações como os dados da vacinação do país, com exceção de São Paulo que possui um portal próprio. Sem acesso ao banco de informações, se torna impossível, por exemplo, que o governo tenha controle sobre quem se vacinou contra a COVID-19.

Consequências

O aplicativo Conect Sus, responsável por emitir certificados de vacinação, já deixou de funcionar durante a madrugada, foi reportado por inúmeros usuários ao redor do país que não é mais possível acessar de forma funcional o aplicativo de celular, com exceção aos usuários de SP, que não possuem dependência tecnológica do governo federal.

   

Nenhuma postagem para exibir