Centro de Qualificação abre vagas para oficinas gratuitas

As inscrições estarão abertas nos dias 26 e 27 de janeiro, com início das aulas previsto para dia 1º de fevereiro

Centro de Qualificação da Secretaria de Assistência Social, em Ribeirão Preto - Foto: Divulgação
Continua depois da publicidade

A Secretaria de Assistência Social, através do Centro de Qualificação Social e Profissional abre 324 vagas para cursos gratuitos.  As oficinas, com início previsto para 1º de fevereiro, acontecem na Avenida Dom Pedro I, nº 45, no Ipiranga.

As modalidades oferecidas serão corte e costura, bordado e crochê, informática, artesanato geral, jardinagem, recepção em hotelaria e cuidador de idosos. Todas oficinas terão duração de dois meses e meio, com aulas uma vez por semana. Somente o curso de cuidador de idosos possui duas aulas semanais.

Devido à pandemia e para evitar aglomerações, as inscrições devem ser feitas entre os dias 26 e 27 de janeiro, excepcionalmente por telefone, através do número (16) 3630-2994.

Opção de renda

César Sturari, responsável pelo Centro de Qualificação Social e Profissional, acredita que a manutenção das atividades é fundamental para proporcionar opção de renda às famílias em épocas de pandemia.

“Nós sabemos que a realidade financeira de muitas pessoas mudou por conta da pandemia. É importante que nós, mesmo que em quantidade reduzida de vagas, continuemos a oferecer os cursos porque pode ser a única alternativa de renda para muita gente”.

Vera Carvalho, fez o curso de manicure em 2019, concorda. “A pessoa não tem ideia de quanto um curso pode mudar a vida da gente. Hoje eu sou mais feliz, me curei da depressão, ganho o meu dinheiro e ajudo as pessoas a se sentirem mais bonitas”.

Ela montou seu próprio espaço e antes da pandemia conseguia tirar todo seus sustento através do trabalho de manicure, agora aguarda a retomada das atividades. “Eu estava ganhando muito bem antes da pandemia, agora com a vacina a rotina deve voltar ao normal. Hoje, além de fazer as unhas, eu tenho outros produtos no meu atelier também, é outra vida. Indico para todo mundo fazer o curso”, conclui.

Cuidados

De acordo com a secretária da pasta, Renata Corrêa Gregoldo, os cursos serão presenciais, com número reduzido de alunos, para respeitar o distanciamento social.

“Serão adotadas todas as medidas de saúde como a obrigatoriedade do uso de máscaras, os profissionais da limpeza realizarão a higienização das salas antes de depois das aulas e na entrada será feita a aferição da temperatura corporal dos alunos”, salienta.

Nenhuma postagem para exibir