Secretaria de Estado de São Paulo confirma mais um caso da nova variante

Já são três casos confirmados no Estado; um homem de 41 anos e uma mulher de 37 anos e agora outro homem de 29 anos

A Secretaria de Estado de São Paulo confirmou nesta quarta-feira (1º) o terceiro caso da variante Ômicron no Brasil. O homem, 29 anos, chegou no último sábado (27) em Guarulhos.

Ele não apresentava sintomas e foi testado no aeroporto assim que desembarcou de um voo vindo da Etiópia. A amostra com resultado positivo foi encaminhada para o Instituto Adolfo Lutz do Governo de SP e sequenciada geneticamente. 

O homem foi vacinado com as duas doses da Pfizer e está em isolamento domiciliar desde o dia que testou positivo para a doença. Ele continua sem sintomas e está sendo acompanhado pela vigilância do município de Guarulhos, onde mora.

Os outros

Os outros dois pacientes, um homem de 41 anos e uma mulher de 37 anos, foram confirmados na tarde de ontem pelo Lutz, o sequenciamento genético foi feito pelo laboratório do Hospital Israelita Albert Einstein. Ambos desembarcaram no dia 23, vindos da África do Sul  

Os dois foram vacinados com o imunizante de dose única, Janssen, na África do Sul. A Secretaria de Estado da Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, está monitorando o avanço do cenário epidemiológico do Estado.

As variantes consideradas preocupantes, Delta, Alpha, Beta, Gamma e, agora, a Ômicron estão sendo investigadas de perto. É necessário que a população continue a se cuidar e siga os protocolos já estabelecidos como: uso de máscara, higienização com água e sabão, uso de álcool em gel e se vacinar contra a Covid-19.