Ribeirão chega a 898 mortes por covid-19 desde o início da pandemia

Homens e idosos com idade acima de 60 anos são maioria das vítimas; confira perfil das vítimas

Profissional realiza teste de covid-19 - Foto: Agência Brasil
Continua depois da publicidade

Ribeirão Preto chegou, nesta quarta-feira (2), aos 898 óbitos causados por covid-19 desde marca, data do início da pandemia da doença na cidade. No total, já são 34,6 mil casos registrados, enquanto pouco mais de mil pessoas aguardam os resultados dos exames.

Nesta quarta, houve uma nova morte, de um homem 63 anos com histórico de hipertensão arterial. Ele faleceu em um hospital público na segunda-feira (30). Ainda no boletim epidemiológico divulgado hoje, foram 195 novos casos da doença.

Dados divulgados nesta quarta pela prefeitura mostram ainda que o principal fator de risco segue sendo a doença cardiovascular crônica, que acometia 49,3% das vítimas. Outros problemas comuns às vítimas são diabetes (36,4%), hipertensão (25,2%) e doença neurológica crônica (21,6%). 

Quanto às idades, 84% das mortes ocorreram entre pessoas com mais de 60 anos, sendo os homens (54,8%) a maioria das vítimas.

Nenhuma postagem para exibir