Mortes disparam e Ribeirão confirma 27 óbitos no boletim desta terça (23)

Total de óbitos se aproxima dos 1,5 mil e número de casos está próximo dos 60 mil, segundo Secretaria da Saúde

Paciente em leito destinado para o tratamento da Covid-19 - Foto: Bruno Cecim/Ag.Pará

Ribeirão Preto confirmou, nesta terça-feira (23), 27 mortes causadas pelo coronavírus na cidade. É o maior número confirmado de vítimas desde o início da pandemia. É a segunda vez, em sete dias, que o número é batido. O recorde anterior era de 20 mortes, registradas por dois dias da semana passada.

A cidade teve ainda 526 novos casos confirmados da doença, segundo o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria da Saúde da cidade.

No total, 1.436 pessoas já morreram na cidade desde março de 2020, data da primeira morte causada pela doença na cidade. Os casos confirmados da doença se aproximam dos 60 mil casos, com 59.759 ocorrências.

Mortes

As mortes confirmadas nesta terça ocorreram 16 e 22 de março. Foram 17 homens e 10 mulheres, sendo que o paciente mais jovem era um homem de 38 anos, obeso, e o mais idoso um homem de 93 anos, com comorbidades.

No total, cinco pessoas morreram fora dos hospitais e todas as vítimas tinham outras comorbidades.

Leitos

Quanto à ocupação de leitos, a situação segue crítica na cidade. De acordo com a plataforma privada  leitoscovid.org, atualizada às 18h, perto de 94% dos 280 leitos de Unidade de Terapia Intensiva da cidade estavam ocupados.

Na enfermaria, o percentual é um pouco menor, e atinge os 89% dos 270 leitos.

Nenhuma postagem para exibir