Maior nome da televisão regional, Patrícia está entre a vida e a morte

A colunista social sofreu AVC na quinta-feira (13) e foi internada em estado delicado no Hospital São Francisco

Foto: F3 Notícias

A família de Sônia Menezes Pizzo, 89 anos, ou simplesmente Patrícia, como é mais conhecida, divulgou comunicado na tarde desta sexta-feira (14) para pedir orações e bons pensamentos. A colunista social e uma referência na comunicação em Franca, com reconhecimento no Brasil, sofreu AVC na quinta-feira (13) e foi internada em estado delicado no Hospital São Francisco (Regional).

Ela estava caída no chão e a neta dela, Camila Pizzo, foi quem a socorreu. A colunista passou por cirurgia para drenagem e agora está sendo monitorada. O período mais crítico de observação é nas próximas 72 horas. Conforme a família, Patrícia está com quadro estável, mas ainda não apresentou resposta neurológica.

Internada na UTI, a colunista pode apresentar algum quadro de melhora nos próximos dias. Camila Pizzo enviou um relato à imprensa para posicionar o quadro de saúde da avó.

“Quero me desculpar perante a todos. Devido ao volume de mensagens e telefonemas, infelizmente não estamos conseguindo responder e atender a todos, mas em respeito ao carinho, admiração e amizade que sempre tiveram pela nossa avó, a colunista Patrícia, informo que acabei de sair do Hospital Regional. Conversei com a médica intensivista Regina Oliveira, que está responsável pela UTI nesse momento, e a neurocirurgiã Dra Lidia Saloum, que foi quem fez a drenagem cirúrgica, e elas relataram que o quadro está estável, o nível de saturação, a pressão arterial, e os rins estão funcionando dentro do padrão. Infelizmente não há estímulo neurológico, mas devido a cirurgia ser em local complicado isso é esperado. Nos próximos dias é que começa algum tipo de reação, para saber a situação neurológica. É um caso muito grave, mas contamos com apoio e com orações de todos vocês. Temos muita fé. Entregamos a vida de nossa avó nas mãos de Deus e de Nossa Senhora Aparecida, que sempre carregaram ela no colo, tendo certeza que estão com ela e com a gente. Muito obrigada a todos. Eu Camila, meu irmão Guilherme, minhas primas Silvia e Raquel, e os quatro netos da Paty, contamos com as orações e apoio. Por favor, continue rezando. Muito obrigada e que Deus abençoe.”

Patrícia seguia trabalhando e muito ativa, com coluna no site GCN e também com participação em programa da Record e programa na rádio Difusora AM (1030), mas estava afastada por conta da pandemia da Covid-19.

Texto: F3 Notícias 

Nenhuma postagem para exibir