Grupo São Lucas inaugura maternidade no Hospital Ribeirânia

Equipamento terá três quartos e sete novos apartamentos para proporcionar bem-estar para a gestante e seu bebê

O prefeito de Ribeirão Preto, Duarte Nogueira, participou, na manhã desta segunda-feira, dia 9 de maio, da inauguração da maternidade do Hospital Ribeirânia. A maternidade contará com equipe médica humanizada, enfermeiras obstetrizes e pronto atendimento ginecológico 24 horas.

“Há cerca de 90 dias, estávamos lá no Hospital São Lucas inaugurando a nova ala e agora, inaugurando mais uma grande instalação com estrutura de ponta para atender a mamãe, a criança. Faço questão de prestigiar, porque isso é bom pra Ribeirão Preto e o nosso sistema de saúde, com benefícios enormes, em um polo já reconhecidamente de excelência”, disse o prefeito Duarte Nogueira.

Além da ginecologia e obstetrícia, a maternidade disponibilizará atendimento de pediatria 24 horas, com equipe de pediatras experientes e de alta resolutividade.

O foco é incentivar o parto natural e, para isso, foram desenvolvidos os quartos PPPs, que oferecem tudo o que a mãe precisa no momento de dar à luz. Equipado para receber e acompanhar a parturiente durante os três estágios, com todos os equipamentos de apoio ao trabalho de parto, com espaço para deambulação e acompanhada da família e profissionais de saúde, além de constante monitoramento materno e fetal.

Desta forma, a gestante tem acesso à bola suíça, barra de alongamento, balanço pélvico, banqueta de parto, etc.

Os quartos PPPs oferecem um espaço aconchegante e humanizado, evitando que a gestante seja transferida de áreas durante o processo do nascimento e possa relaxar para vivenciar o parto com mais conforto, segurança e tranquilidade.A maternidade disponibiliza três quartos PPPs, além de sete novos apartamentos para proporcionar bem-estar para a gestante parturiente e seu bebê. O modelo de alojamento conjunto permite que mãe e bebê não sejam separados em nenhum momento.O serviço conta também com UTI Neonatal com dez leitos, totalmente equipada e coordenada pela mesma equipe médica da UTI pediátrica do São Lucas. A UTI Neonatal estará preparada para bebês que necessitem de assistência logo ao nascer, bem como bebês prematuros transferidos de outros serviços da cidade e região.

O presidente do Grupo São Lucas, Pedro Palocci, ressaltou que a concretização da maternidade é mais uma parte do processo do projeto de ampliação dos serviços de saúde, desde a maternidade até a terminalidade.“Esta é a inauguração da primeira fase do Grupo São Lucas e fizemos uma maternidade diferenciada, principalmente no que diz respeito a partos humanizados, que envolve toda a equipe da assistência materno infantil do grupo São Lucas”, comemorou.

Nenhuma postagem para exibir