Francês hospitalizado por causa da Covid-19 sai da UTI

Ele recebeu alta na tarde deste domingo (19); o homem está em observação desde o dia 15 de novembro

As mortes foram confirmadas através do boletim epidemiológico - Foto: CDC no Pexels

O homem, 52 anos, que está em estado grave por conta da Covid-19 saiu neste domingo (19) da UTI. Ele não foi vacinado na Europa.

Segundo o boletim médico, agora o homem se encontra em uma situação estável. Ele foi transferido para enfermaria onde vai continuar com o tratamento de reabilitação motora.

Ele está internado desde o dia 15 de novembro, quando ele e o amigo apresentaram os primeiros sintomas. Os dois vieram para o Brasil para trabalharem em uma empresa farmacêutica em Ribeirão Preto, no entanto, não haviam sido vacinados na Europa.

O caso

A Prefeitura de Ribeirão Preto informou no último dia 30 que um paciente internado em um hospital da cidade realizou testes para detectar a presença da nova variante ômicron. O material já foi colhido, no entanto, o resultado ainda não foi divulgado.

O primeiro caso foi descoberto no continente africano, mas países da Europa já confirmaram a presença da nova variante. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o ômicron apresenta risco elevado, mas não se sabe muito sobre as possíveis sequelas.

O paciente teria vindo para Ribeirão Preto para trabalhar em uma empresa farmacêutica e dois dias após a chegada apresentou os primeiros sintomas. Ele e o amigo vieram da Europa, onde não se vacinaram. 

Nenhuma postagem para exibir