Eduardo Galvão morre aos 58 anos vítima da Covid-19

O ator estava internado na UTI do Hospital Unimed Rio, localizado na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro

Eduardo Galvão - Foto: Rede social
Continua depois da publicidade

O ator Eduardo Galvão morreu, na noite desta segunda-feira (7), vítima de complicações decorrentes da Covid-19. O ator estava internado na UTI do Hospital Unimed Rio, localizado na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, e estava intubado desde a última terça-feira (1°). 

Há dois dias, a filha do ator, Mariana Galvão, chegou a afirmar em entrevista que Eduardo apresentou melhora e passou a tomar shakes de nutrição. Além de Mariana, filha única, Eduardo deixa uma neta, Lara, de um ano. 

A última novela do ator foi “Bom Sucesso”, em 2019, na qual interpretou o Dr. Machado. Na Globo, o ator era conhecido por trabalhos como o infantil “Caça Talentos” (1996), onde contracenava com Angélica, e tramas como “Despedida de Solteiro” (1992), “Porto dos Milagres” (2001) e “O Beijo do Vampiro” (2002). Na TVE, emplacou mais um personagem voltado para crianças ao interpretar o pai do Menino Maluquinho, personagem criado por Ziraldo, em 2006. 

Nenhuma postagem para exibir