Pedreiro é preso em flagrante após agredir enteado de 4 anos com uma corda

Padrasto da vítima afirmou aos oficiais que bateu no menino após ele ter engolido um cigarro

Imagem Ilustrativa - foto: Arquivo Thathi

Um pedreiro, 29, foi preso em flagrante pela Polícia Militar, nesta quinta-feira (3), após agredir o enteado, uma criança de 4 anos, com uma corda, na zona Norte de Ribeirão Preto. Aos agentes, mãe da vítima afirmou que marido espancou o filho, após menino engolir um cigarro.

O flagrante ocorreu, após uma denúncia anônima de maus-tratos contra as crianças levar os agentes até o local. Na residência, os oficiais se depararam com a criança, com algumas marcas vermelhas pelo corpo.

Ao perguntar para a mãe da vítima, ela contou que o marido, padrasto do filho, teria corrigido a criança, após o menino supostamente ter engolido um cigarro no imóvel do casal. 

De acordo com a PM, ao indagar o agressor, ele confirmou a versão da esposa, dizendo que perdeu a cabeça e agrediu a criança após o ocorrido. O homem, que não teve o nome divulgado, foi conduzido para Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), onde foi preso em flagrante por violência doméstica e maus-tratos. 

O caso segue em investigação.

Nenhuma postagem para exibir