Morre o senador Major Olímpio, vítima da Covid-19

Família confirmou morte cerebral do senador, que estava internado em São Paulo; suplente de 46 anos irá assumir

Major Olímpio, senador por São Paulo - Foto: Agência Brasil

Morreu na tarde desta quinta-feira (18) o senador por São Paulo Major Olímpio (PSL), 58. A informação foi confirmada por familiares. Ele deixa mulher e dois filhos.

O parlamentar foi diagnosticado com Covid-19 e estava internado desde terça-feira (2) no Hospital São Camilo, em São Paulo.

“Com muita dor no coração, comunicamos a morte cerebral do grande pai, irmão e amigo, Senador Major Olimpio. Por lei a família terá que aguardar 12 horas para confirmação do óbito e está verificando quais órgãos serão doados. Obrigado por tudo que fez por nós, pelo nosso Brasil”, publicou a família no perfil oficial do senador.

Em seu lugar, assume o empresário paulista Alexandre Luiz Giordano, de 46 anos.

História

Olímpio foi o senador mais votado da história, com 9 milhões de votos na eleição de 2018, e estava em seu primeiro mandato no Senado. Antes, tinha sido duas vezes deputado estadual (2006 e 2010) e uma vez federal (2014).

Aliado de primeira hora do presidente Jair Bolsonaro, Olímpio era policial militar e teve participação importante nas eleições de 2018. Depois, entrou em atrito com o presidente e, nos últimos tempos, filiou-se à ala do PSL que era contrária ao governo Bolsonaro.

*A matéria está em atualização

Nenhuma postagem para exibir