MDB define apoio no 2º turno nesta terça e Usai recomenda que eleitores não votem em Nogueira

Dois candidatos recomendaram que seus eleitores não votem em Duarte Nogueira; decisões devem sair ao longo da semana

Coronel Usai disputou eleições em Ribeirão - Foto: Divulgação

O MDB se reuniu, nesta segunda-feira (16), quem irá apoiar no segundo turno. A legenda já definiu que irá se envolver no eleição, mas aguarda a decisão de um colegiado de líderes, dos quais participam os candidatos eleitos pelo partido, deputados da sigla, a candidata derrotada à prefeito, Cris Bezerra, e o presidente nacional da legenda, deputado federal Baleia Rossi.

“Nos reunimos nesta segunda-feira (16), mas a Cris não pode estar presente. Iremos nos reunir novamente amanha para decidirmos, de forma colegiada, o apoio do partido no segundo turno”, afirmou.

Já o coronel Usai (PRTB) afirmou que, embora não pense em declarar apoio a nenhum candidato, irá recomendar que seus eleitores não votem em Duarte Nogueira “de jeito nenhum”. “Eu não vou apoiar nenhum dos dois. O PRTB não faz aliança com partido de esquerda. Mas eu vou dizer a todos que não votem no Nogueira. Ele abandonou a cidade, todos os secretários deles não moram aqui na cidade, principalmente os cinco principais. Não vou apoiar nem Nogueira nem Suely Vilela, mas vou dizer expressamente para não votarem no Nogueira”, disse.

Além dos dois, o candidato Vanderlei Caixe (PCdoB) já havia declarado que não irá apoiar Nogueira e que poderá decidir eventual apoio a Suely Vilela dependendo de “acertos das propostas” entre as legendas.

Mais apoios

Antonio Alberto Machado (PT) informou que não irá declarar apoio a ninguém, mas que o PT iria decidir sobre eventual apoio. O partido informou que ainda não debateu o tema. Mauro Inácio (Psol) expressou opinião semelhante, e Emílson Roveri (Rede) disse que o partido irá se reunir nesta semana para decidir o caso.

Nenhuma postagem para exibir