Ex-governador de SP, Márcio França, é alvo de investigação da Polícia Civil

De acordo com a apuração, o ex-governador teria recebido doações de Cleudson para sua campanha eleitoral para o governo de SP

Márcio França| Governo do Estado de São Paulo/Divulgação

Foi realizado na manhã dessa quarta-feira (5) pela Polícia Civil, Ministério Público e a Corregedoria Geral da Administração mais uma etapa da operação Raio-X, que tem como objetivo apurar crimes ligados a formação de quadrilha, roubo e lavagem de dinheiro. Um dos alvos da operação, foi o ex-governador de São Paulo, Márcio França (PSB), que investiga o envolvimento de Cláudio França, irmão do ex-governador, em um suposto esquema de desvios na área da saúde.

É destacado no relatório da investigação que contratos firmados durante o governo de França teriam beneficiado uma organização criminosa, chefiada por Cleudson Garcia Montali.

De acordo com a apuração, o ex-governador teria recebido doações de Cleudson para sua campanha eleitoral para o governo de SP. Mandados também foram cumpridos pela polícia na Secretaria Estadual da Saúde e na Câmara de São Paulo por desvios de verba.

São 34 mandados de busca e apreensão sendo cumpridos. Entre os locais investigados estão endereços do ex-governador na cidade de São Vicente, na Baixada Santista, Vila Mariana e zona Sul de SP.

Por meio da apuração feita pela Polícia Civil (PC) e a Controladoria Geral do Estado foi constatado que membros de uma organização criminosa desviaram dos cofres públicos cerca de R$ 500 milhões, valor esse que seria destinado à utilização em aparelhos públicos prestadores de serviço de saúde.

Nenhuma postagem para exibir