Ataque hacker atrasa salários de funcionários da prefeitura de Barrinha

Pagamento seria efetuado amanha mas deve ficar para 8 de novembro; empresa deve ser contratada para recuperar dados

Prefeitura de Barrinha, que irá atrasar salários - Foto: Google Maps
Continua depois da publicidade

Um ataque hacker deve atrasar em pelo menos oito dias o pagamento de pelo menos mil servidores municipais de Barrinha. O sistema operacional da prefeitura da cidade foi invadido na tarde de segunda-feira (28). Os servidores receberiam nesta quinta-feira (31), mas, devido ao problema, a expectativa é que só recebam por volta do dia 8 de novembro. A Polícia Civil investiga o caso.

 

Segundo a assessoria da administração, por conta do ataque, no qual um vírus foi acionado nos servidores da administração e contaminou todos os sistemas, foram subtraídos “todos os dados administrativos, financeiros, contábeis e de recursos humanos do município”, a cidade está impossibilitada realizar suas atividades, inclusive os pagamentos.

“Além de demais serviços, o pagamento dos servidores que iria ser realizado no próximo dia 31 não poderá ser realizado devido o ocorrido. Em torno de mil funcionários ficarão sem receber o respectivo pagamento até que sejam restabelecidos os dados”, disse.

Segundo a assessoria, o município registrou boletim de ocorrência e já foi realizada perícia técnica para investigação do ocorrido. Uma empresa da capital paulista será contratada para resolver o problema. “Não existe suspeito até o momento”, ressalta.