Acontece hoje a 7ª Oitiva da CPI das ambulâncias em Ribeirão Preto

Oitiva está marcada para às 9h desta quinta-feira (2), na Câmara

Registro da última oitiva, realizada no dia 25/06 - Foto: Aline Pereira

Acontece na manhã de hoje, quinta-feira (2), a sétima Oitiva da CPI que investiga o aluguel de ambulâncias para a Prefeitura Municipal. A Comissão Parlamentar de Inquérito está prevista para ter início às 9 horas, onde será ouvida Katlyn Beordo de Lima.

A depoente é chefe da divisão de compras na Secretaria Municipal de Administração, que, segundo informações publicadas pela Prefeitura, Katlyn Beordo é servidora pública desde 2009, e realizava palestras sobre pregão eletrônico e soluções para o combate à corrupção, em 2019.

A CPI, que acontece na Câmara Municipal de Ribeirão Preto, investiga o contrato envolvendo a Prefeitura, por meio da Secretaria da Saúde, e a empresa terceirizada de aluguel de ambulâncias S.O.S Assistência Médica, que alugou quatro unidades dos veículos por R$ 1.1 milhão.

6ª Oitiva da CPI das Ambulâncias

A 6ª Oitiva da CPI das Ambulâncias ocorreu no dia 25 de junho, uma quinta-feira. Na Oitiva em questão, a secretária de Administração Marine Oliveira Vasconcelos e o servidor comissionado Jorge Alves de Oliveira Neto.

Segundo informações da Câmara, no depoimento da secretária Marine Oliveira, a mesma afirmou que a dispensa de licitação é de responsabilidade de cada pasta, cabendo à sua Secretaria somente a verificação de documentos se atendem aos requisitos mínimos do processo legal.

Quanto ao procedimento de apresentar os valores das propostas de outras empresas à SOS Urgência Médico, vencedora do contrato, a secretária discorda de tal conduta visto que a previsão legal é não mostrar, e vê como indício de direcionamento, não garantindo a imparcialidade no processo.  

Participaram da oitiva além do presidente da CPI Orlando Pesoti, os membros Alessandro Maraca (MDB), Jean Corauci (PSB), Marinho Sampaio (MDB), Paulo Modas (PSL) e Renato Zucoloto (Progressistas), e os vereadores Boni (Podemos), Elizeu Rocha (Progressistas), e Rodrigo Simões (PSDB).   

Histórico

23 de abril – Protocolado no Ministério Público uma representação para apuração de possível crime e improbidade administrativa na contratação das ambulâncias na Promotoria Criminal, Saúde Pública e Cidadania e entrada do requerimento para instalação da CPI na Câmara Municipal de Ribeirão Preto.

11 de maio – Polícia Federal faz busca e apreensão de documentos:  Locais: Sede da empresa S.O.S Assistência Médica Familiar /  Casa do sócio da empresa S.O.S Assistência Médica Familiar / Setor de compras da Prefeitura Municipal de Ribeirão

14 de maio – Instalação da CPI por videoconferência.

  •         Membros da CPI =  Orlando Pesoti = Presidente /  Alessandro Maraca = Vice- Presidente / Renato Zucoloto = Relator / Marinho Sampaio /  Paulo Modas / Jean Coraucci

15 de maio – 3 ambulâncias, que estavam paralisadas no pátio da Prefeitura, foram emplacadas, estando prontas para uso.

Nenhuma postagem para exibir