Sala da UBDS Central acaba alagada após paciente chutar registro de água

Homem de 30 anos estaria bravo e foi preso por dano ao patrimônio

Foto: Reprodução.

A sala de medicação da Unidade Básica Distrital de Saúde (UBDS) Central, na avenida Jerônimo Gonçalves, acabou ficando alagada após um homem de 30 anos chutar e estragar um registro de água do local, na manhã desta sexta-feira (12). Em razão da confusão, a Guarda Civil Metropolitana (GCM) precisou conter o indivíduo que foi levado à Central de Polícia Judiciária e preso por dano ao patrimônio público. O delegado chegou a arbitrar fiança de R$ 1 mil, mas a quantia não foi paga e ele passará por audiência de custódia. 

Segundo um dos guardas que atuou na ação, o rapaz é usuário de drogas e estava na unidade para receber atendimento médico. O motivo do desentendimento ainda não foi esclarecido mas, em nota, a Secretaria Municipal de Saúde informou que o equipamento já foi reparado e a população não foi prejudicada.