Programa sexual de transexual com cliente casado acaba na delegacia

Homem teria retirado aparelho celular à força das mãs da vítima; Polícia Civil investiga o caso

Plantão de Polícia de Matão. No detalhe, pernas da transsexual Luiza - Foto: Matão Urgente

O programa sexual envolvendo uma transsexual e um homem casado e com filhos terminou na delegacia em Matão na noite desta terça-feira (18). A transexual acusa o homem de roubar o aparelho celular dela. O caso é investigado.

Segundo relato feito aos policiais, a transexual, de nome Luiza, relatou que o homem, que é casado e tem filhos, mora no Jardim do Bosque e já saiu com ela uma outra oportunidade.

Dessa vez, o homem foi até a casa de Luiza em casa, deixando no local seu veículo. No carro dela, um Pálio, eles partiram em direção ao bambuzal que fica nas proximidades da Rodovia Carlos Fernando Malzoni para que os dois tivessem privacidade para namorar.

Em dado momento, Luiza teve seu aparelho celular arrancado à força de suas mãos. O homem permaneceu com o aparelho e Luiza dirigiu para sua residência.

Placas

Ela anotou, entretanto, as placas da caminhonete do parceiro, uma S-10, comunicando o caso à Polícia Militar, por telefone.

Orientada a procurar a Polícia Civil, a transexual compareceu ao Plantão Policial, onde registrou a ocorrência. O caso é investigado pelas autoridades.

Nenhuma postagem para exibir