Procuradora é agredida por colega dentro de prefeitura

Homem foi ouvido pela polícia, confessou o crime e foi liberado por ‘falta de flagrante’

Agressão à procuradora foi registrada pelas câmeras de segurança da prefeitura

A procuradora-geral do município de Registro, na região do Vale do Ribeira, foi agredida por um colega de trabalho dentro da prefeitura. O caso ocorreu na última segunda-feira (20) e ganhou repercussão com a divulgação de um vídeo, que mostra a violência brutal sofrida pela vítima.

Gabriela Samadello Monteiro de Barros coordena a área jurídica do município e determinou a abertura de um processo disciplinar contra o seu agressor, o também procurador Demétrius Oliveira Macedo.

Um servidor gravou o momento em que ele atinge a procuradora com cotoveladas e socos no rosto.

Apesar da prova em vídeo, o agressor não foi preso. Ele prestou depoimento à Polícia Civil e foi liberado. O delegado responsável pela ocorrência, Fernando Carvalho Gregório, considerou não ter havido “flagrante”. Ele instaurou inquérito policial para investigar o caso.

Em depoimento, Demétrius confessou as agressões e se disse vítima de “assédio moral” no ambiente de trabalho.

A Prefeitura de Registro suspendeu o funcionário por 30 dias, sem o pagamento de salário.

Confira o vídeo:

Nenhuma postagem para exibir