Polícia prende grupo que explorava prostituição infantil em Barretos

Grupo aliciava crianças e adolescentes para programas sexuais em uma propriedade rural

A Polícia Civil de Barretos, por meio de agentes da DDM (Departamento de Polícia de Defesa da Mulher), com o apoio das polícias do CPJ (Centro de Polícia Judiciária), DIG (Divisão de Investigação Geral), DISE (Divisão de Investigação de Drogas) e GOE (Divisão Especial Operational Team), derrubou uma rede que atraía crianças e adolescentes para a prostituição.

A investigação conduzida pela delegada Denise Vichiato Polizelli Paro, representante do DDM de Barretos, identificou inicialmente duas mulheres, uma de 45 e uma de 20 anos, mãe e filha, que administravam a prostituição de meninas de 11 a 16 anos por meio de redes sociais e aplicativos de mensagens .

Nos finais de semana, crianças e adolescentes eram levados para uma casa na zona rural. Lá, pelo menos quatro homens lhe ofereceram bebidas, e drogas antes de se submeterem a um programa de sexo.

Constatou-se também que os recrutadores recebiam R$ 100 por cada menina trazida para casa, enquanto cada vítima recebia apenas R$ 20.

Diante dessa informação, os agentes da DDM conseguiram identificar o proprietário da fazenda e outros três homens que pertenciam à referida rede de exploração sexual.

Como resultado, representantes do DDM prenderam os homens e recrutadores em nome do judiciário, e os mandados de prisão foram concedidos por um juiz.

A polícia prendeu o proprietário da fazenda, um empresário de 61 anos, no final da tarde de ontem. Onde estava realizando o encontro, na comunidade Monte Alegre de Barretos. Os recrutadores foram presos no bairro Alberto Moreira.

Na manhã deste sábado (25), os agentes prenderam outros três homens, dois de 54 anos e um de 52 anos, por suposta participação no show de sexo.

Os investigados vão responder por crimes de organização criminosa, estupro de pessoas vulneráveis ​​e prostituição. A investigação segue identificando outros indivíduos e vítimas relevantes, e qualquer informação pode ser passada ao DDM de Barretos pelo telefone (17) 3612-2845.

Nenhuma postagem para exibir