Polícia Civil de Franca prende quadrilha tentando descontar cheque de R$ 21,5 milhões

Um advogado e dois empresários foram presos em flagrante

Reprodução/Polícia Civil de Franca
Continua depois da publicidade

O delegado titular do 1° Distrito Policial de Franca, Dalmo Polo, foi informado na tarde desta sexta-feira (8), que indivíduos estariam na agência do Banco do Brasil, na área central da cidade, tentando descontar um cheque no valor de R$ 21,5 milhões.

Os policiais civis, já na instituição financeira, abordaram e prenderam em flagrante delito três indivíduos. Um empresário de Bocaina, um outro empresário e também um advogado, ambos de Franca.

O trio, de imediato, não soube dizer a origem do cheque e, se lícita ou não, a quantia.

Diante disso foram encaminhados para o Primeiro Distrito Policial de Franca e autuados em Flagrante delito pelo crime de Estelionato tentado.

Durante o registro da ocorrência, os investigadores do Distrito obtiveram a informação que outro integrante da quadrilha, oriundo de Brasília, estaria em um posto de combustíveis na cidade, aguardando parte da quantia que seria sacada.

A equipe diligenciou e localizou no estabelecimento indicado, mais um indivíduo integrante do grupo criminoso.

A Subseção da OAB (Organização dos Advogados do Brasil) acompanhou a ocorrência, em decorrência da prisão de um advogado.

A Delegacia de Investigações Gerais de Franca trabalha no caso.

Nenhuma postagem para exibir