Polícia Civil cumpre 28 mandados de prisão contra grupo suspeito de aplicar golpes de estelionato na região

A operação aconteceu na manhã desta segunda-feira (10); são 28 mandados de prisão temporária e 35 mandados de busca e apreensão

Viatura da Polícia Civil - Foto: Divulgação

A Polícia Civil cumpriu 28 mandados de prisão temporária e 35 mandados de busca e apreensão na operação ‘Embuste’. A operação foi deflagrada na manhã desta segunda-feira (10).

Os agentes buscam nas cidades de Ribeirão Preto, Araraquara, Barretos, Barrinha, Bebedouro, Caconde, Fernando Prestes, Jardinópolis, Serrana, Embu das Artes, Taboão da Serra e São Paulo um grupo suspeito de praticar o chamado “golpe do novo número”, a prática consiste em utilizar um aplicativo de mensagens instantâneas, geralmente o Whatsapp, para pedir dinheiro.

Uma das vítimas do golpe teria perdido cerca de R$ 650 mil entre os dias 24 de setembro e 2 de outubro de 2021. O criminoso teria se passado por irmão da vítima e alegado que havia trocado de número. 

O golpe

Os criminosos em sua maioria se passam por pessoas próximas das vítimas, alegam problemas financeiros e solicitam um valor “x”. Recentemente muitas pessoas, inclusive famosos como o cantor sertanejo Murilo Huff, se tornaram vítimas do golpe.

Em novembro do ano passado o cantor publicou nas redes sociais a seguinte mensagem: “atenção amigos, estão se passando por mim através deste número abaixo. Não sou eu”. Murilo ainda mostrou o print de uma mensagem que estava sendo enviada aos amigos, o criminoso pedia uma quantia de dinheiro.

Mensagem publicada nas redes sociais – Foto: Redes Sociais

Nenhuma postagem para exibir