Par de tênis é usado como esconderijo de drogas em CPP da região

Maconha sintética enviada por mãe de preso foi apreendida em encomendas no CPP de Jardinópolis

Foto: Divulgação

Agentes de segurança do Centro de Progressão Penitenciária (CPP) de Jardinópolis apreenderam k4, popularmente conhecida como maconha sintética, durante vistoria nas encomendas que chegam aos reeducandos. A droga foi enviada pela própria mãe do preso e estava camuflada em um par de tênis, embaixo das palmilhas.

O flagrante ocorreu na manhã desta quinta-feira (4). O procedimento de revista foi realizado na presença do destinatário. Ao todo, foram apreendidos 480 micropontos do entorpecente.

Venda na unidade

Ao ser questionado, o detento confirmou que realmente havia solicitado que sua mãe enviasse a droga por Sedex, para que ele pudesse comercializá-la dentro da unidade prisional.

A direção do Centro de Progressão registrou boletim de ocorrência para investigação da Polícia Civil. Também foi instaurado um procedimento disciplinar interno para apurar o caso.

Nenhuma postagem para exibir