Madrugada de tiroteio na favela do Simioni em Ribeirão Preto

Dois homens teriam fugido de uma abordagem policial momentos antes. PM prendeu suspeito com armamento da corporação

Foto: PixaBay.

A fuga de dois suspeitos durante uma abordagem da Polícia Militar na madrugada desta quarta-feira (27) resultou em uma troca de tiros na favela do Simioni, na zona Norte de Ribeirão Preto (SP). Um dos homens estava com uma arma ponto 40 da corporação, cuja numeração estava raspada.

Segundo a PM, a equipe realizava uma abordagem pelo bairro Adelino Simioni, quando dois suspeitos teriam corrido para o interior da comunidade.

Houve acompanhamento a pé pela avenida Magid Simão Trad, até que dois homens surgiram e um deles começou a atirar na direção de um tenente, que se abrigou atrás de um carro.

Consta no boletim de ocorrência que o policial revidou a ação e disparou duas vezes contra o homem. Não se sabe, porém, se a dupla que atirou é a mesma que fugiu da abordagem. 

Depois do tiroteio, o suspeito foi encontrado em um barraco junto a um outro homem. Os dois foram detidos. A polícia apreendeu com eles uma pistola ponto 40 que possuía o brasão do Estado de São Paulo, levando a suspeita de que seria uma arma policial.

O caso foi registrado como tentativa de homicídio, posse ou porte ilegal de arma de fogo, captura de procurado e receptação.

Nenhuma postagem para exibir