Incêndio na comunidade Mário Covas deixa um homem morto

O fogo teria começado no sofá onde a vítima estava deitada

Foto: Reprodução/Grupo Thathi

Um homem de 60 anos morreu carbonizado em incêndio nesta segunda-feira (16), na comunidade Mário Covas, zona norte de Ribeirão Preto.

De acordo com o boletim de ocorrência (bo), o Corpo de Bombeiros foi acionado e ao entrarem no local foi encontrado o corpo de José dos Reis Chaves, que estava sobre o sofá, onde aparentemente o fogo teria iniciado. As chamas se alastraram pelo teto da casa, queimando uma viga.

A vizinha Daiane Pauchert conta que tentaram ajudar no combate ao fogo. “Pegamos a mangueira e outro vizinho pegou baldes. Mas quando entramos na casa era tarde demais, ele já estava morto.”

Ainda de acordo com o bo, a mulher da vítima disse que estava na casa e saiu a pedido dele para comprar cigarros em um comércio próximo. Quando voltou e abriu o portão viu as chamas dentro da casa, tentou entrar, mas como estava muito quente pediu ajuda.

Ela conta que há cerca de três dias Chaves relatou que estava sofrendo com alucinações, e por esse motivo estava dormindo na casa de familiares nos últimos dias. Na manhã de domingo, a mulher disse que quando entrou em casa o chão estava todo molhado, pois o homem alegou que tudo estava pegando fogo, até colocou uma boneca na geladeira, dizendo que era uma criança e que estava com calor. Mas nada havia acontecido até então.

A mulher conta que a vítima não tinha histórico de doença mental e que fazia uso de bebida alcoólica, mas que estava sem beber há cerca de três dias.

A Polícia Civil investiga o caso.

Nenhuma postagem para exibir