Imagens fortes | Confusão em posto de gasolina termina em pancadaria

Briga aconteceu na última segunda-feira (25), na zona Leste de Ribeirão Preto

A dona da loja de conveniência em que um jovem de 21 anos foi agredido registrou um boletim de ocorrência (B.O) de ameaça contra a família do menino. Segundo a proprietária, nesta quinta-feira (28) um irmão do jovem teriam voltado ao posto e ameaçaram o frentista envolvido na briga.

Continua depois da publicidade

A confusão ocorreu na última segunda-feira (25) em um posto de combustíveis da Avenida Treze de Maio, no Jardim Paulista, zona Leste de Ribeirão Preto (SP). Segundo o boletim de ocorrência, o jovem teria se desentendido com o caixa da loja de conveniência.

Em depoimento, a mãe do jovem contou que ela e o filho teriam ido até o posto para comprar bebidas, mas houve uma discussão com um dos funcionários. O motivo não foi esclarecido.

A agressão foi filmada por câmeras de segurança.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado, e a vítima foi encaminhada para Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Avenida Treze de Maio. Segundo a família, o menino fraturou o maxilar e o nariz.

O pai do jovem disse que a discussão começou com atendente do caixa da loja de conveniência por um motivo banal, “ele foi agredido por três, foi uma covardia, não justifica tanta violência”, comentou.

Ele diz ainda que está preocupado com o estado de saúde do filho, “é uma situação delicada, ele vai operar”.

Ameaça

Nesta quinta-feira, a dona da loja procurou a Delegacia da Mulher (DDM) e registrou uma ocorrência contra o irmão do jovem que teria voltado ao posto fazendo ameaças aos funcionários.

“Foi um rapaz durante o dia e o irmão dele voltou a tarde. Eu sei que são irmãos porque puxei a placa da moto. Ele fez um monte de pergunta sobre o frentista: onde mora, horário de trabalho. Disse que não ia deixar isso barato”, disse a dona do posto.