Homem é preso em operação da Polícia Civil contra pornografia infantil na região

A operação, denominada "Black Dolphin", começou em 2018, quando os policiais descobriram um homem que pretendia vender a sobrinha para criminosos na Rússia

Local visitado durante a operação no interior de São Paulo - foto: Divulgação
Continua depois da publicidade

Um homem, que não teve a identidade divulgada, foi preso, nesta quarta-feira (25), pela Polícia Civil de Jaboticabal durante a Operação Black Dolphin, que combate a pornografia infantil. 

Durante buscas realizada na casa do investigado, os policiais localizaram um dispositivo de informática contendo arquivos armazenados com conteúdo de pornografia infantil, sendo o homem autuado em flagrante.

Operação

Segundo informações, mais de mil policiais estão envolvidos na operação, onde são cumpridos cinco mandados de prisão, além de 222 mandados de busca e apreensão em 85 cidades nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Rio Grande do Sul.

O principal alvo da rede de produção e venda de pornografia infantil foi preso em flagrante, nesta quarta-feira (25), em São José do Rio Preto. Outras 23 pessoas foram presas nos quatro estados.

A ação, denominada “Black Dolphin”, começou em 2018, quando os policiais descobriram um homem que pretendia vender a sobrinha para criminosos na Rússia.

Nenhuma postagem para exibir