Homem é preso após matar vizinha em Serrana

“se ela não fosse minha não seria de mais ninguém”, afirmou o criminoso para os policiais

Foto: Lúcio Mendes.

Um homem de 35 anos, identificado como Osmar Teixeira da Silva, foi preso pela Polícia Militar suspeito de assassinar sua vizinha, uma mulher de 35 anos com facadas na madrugada do último sábado em Serrana.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, a mulher chegou a ser socorrida com vida, mas não resistiu e acabou morrendo no caminho para a UPA da cidade.

Uma testemunha se apresentou na delegacia para prestar queixa contra o autor, e, segundo ela, ambas eram vizinhas e comiam pizza momentos antes do crime.

Segundo relato da testemunha, a vítima gritou por socorro enquanto era esfaqueada no outro lado da rua por um vizinho. Tentando ajudar a amiga, a testemunha chegou a dar um chute no autor, que fugiu com a faca em direção à um supermercado da região.

Encontrado pela Polícia Militar após uma denúncia anônima, o homem confessou o crime, afirmando que tomou essa atitude porque sua vizinha não lhe deu uma chance para um relacionamento. “Na madrugada, estava em casa, quando eu vi a Maria chegar em uma caminhonete com um homem, ao ver a cena perdi a cabeça. E fui pra cima dela com a faca, se ela não fosse minha não seria de mais ninguém” confessou o autor durante o momento da prisão.

O homem foi preso e levado para a Cadeia de Santa Rosa de Viterbo, onde aguarda a audiência de custódia. Caso condenado, a pena para o crime pode ser de até 30 anos, de acordo com o Código Penal.

Texto: Antônio Melo

Nenhuma postagem para exibir