Homem é preso após envenenar máscara de ex-mulher em SP

Mulher tem medida protetiva judicial contra o homem em razão de agressões e ameaças anteriores

Máscara cirúrgica ilustrativa - foto: iStock

Um homem de 55 anos foi preso na madrugada de ontem, segunda-feira (22), acusado de envenenar, com veneno de barata e outros insetos, a máscara de proteção facial de sua ex-mulher. O caso aconteceu em Presidente Prudente, interior do Estado de São Paulo.

A vítima acionou a Polícia Militar alegando que sua casa teria sido invadida pelo homem, que lhe agrediu e danificou parte do imóvel. A mulher já tem a medida protetiva judicial contra o mesmo indivíduo, em razão de episódios anteriores de agressão e ameaças.

A Polícia chegou ao local, e, durante a ocorrência, a mulher de 44 anos apontou duas máscaras de proteção facial, acessório de uso obrigatório durante a pandemia, sobre a pia, ao lado de uma lata de veneno para barata. Os policiais confirmaram o produto no acessório, que foi recolhido pela Perícia.

O inseticida supostamente usado para contaminar as máscaras tem potencial de alta toxicidade, causando irritação e queimação na pele ao contato. Se inalado de forma prolongada, causa vertigem e danos ao sistema nervoso central.

O homem foi encontrado pela equipe de policiais a pouco metros de distância da casa da vítima. O indivíduo estava dentro de um carro estacionado, e negou todas as acusações, afirmando ainda ter testado positivo para a Covid-19, doença decorrente da contaminação do novo Coronavírus.

Devido a afirmação, o suspeito foi direcionado para uma unidade de pronto-atendimento, onde realizou um exame de Coronavírus, que não detectou nenhum sinal de contaminação do vírus no organismo do indivíduo. Sendo assim, o homem foi encaminhado ao plantão da Polícia Civil, onde se manteve calado.

Acusado de tentativa de homicídio, além do descumprimento de medida protetiva, ele foi levado à prisão e deve passar por audiência de custódia ainda nesta semana. O defensor informou que vai aguardar a audiência e, se mantida a prisão, entrará com pedido de habeas corpus.

*Contém informações de Uol.

Nenhuma postagem para exibir