Garota de 12 foi estuprada pelo irmão e primo em Araraquara

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil desde sábado (27)

Familiares de uma jovem de 12 anos foram ouvidos na delegacia de Araraquara neste sábado (27). O caso em questão se trata de um possivel estupro de vulneravel, ela estaria sendo abusada pelo irmão de 14 anos e o primo de 16 anos.

Os responsáveis da garota alegaram que descobriram sobre os abusos há 20 dias, no entanto, não recorreram à ajuda profissional. O primo da garota não compareceu ao local, mesmo tendo sido apontado pela mãe da jovem como a pessoa que mantinha relações sexuais com ela.

Um Boletim de Ocorrência (BO) foi realizado e o caso está sendo investigado pela Polícia Civil como estupro de vulnerável.

Estupro de vulnerável 

O estupro de vulnerável é todo abuso praticado contra jovens menores de 14 anos, a pessoa que praticar esse ato pode receber uma pena de 8 a 15 anos de reclusão, previsto no artigo 217-A do CP. Segundo dados lançados pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, no ano passado os canais de denúncia 180 e Disque 100 receberam juntos cerca de 4 mil denúncias de estupro de meninas menores de 14 anos. 

Os garotos de 14 anos também foram vítimas neste último ano, foram 856 denúncia.