Enfermeira é investigada sobre desvio de medicamentos para vender na internet

A indiciada tinha acesso à farmácia do Hospital das Clínicas

Divulgação/Polícia Civil

A Polícia Civil de Ribeirão Preto cumpriu, com autorização judicial, um mandado de busca e apreensão na residência de uma enfermeira na tarde desta terça-feira (24).

Segundo investigações do Centro de Inteligência da Polícia Civil, a investigada subtraia, indevidamente, sedativos e analgésicos controlados e com distribuição restrita para hospitais, com intenção de “vender” através de redes sociais.

O delegado Gustavo Alves comentou que a indiciada tinha acesso à farmácia do Hospital das Clínicas.

“A enfermeira pegava os medicamentos e oferecia em aplicativos na Internet obtendo valores na ação criminosa, desabastecendo o estoque de remédios para situações críticas de saúde”, comentou o delegado.

A indiciada permanece em liberdade, enquanto a investigação prossegue, entretanto, já foi solicitado o afastamento do trabalho no Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto e o pedido de prisão preventiva à Justiça.

Nenhuma postagem para exibir