DIG acaba com fábrica ilegal de agrotóxicos em RP

Os homens foram encaminhados para a Central de Polícia Judiciária (CPJ), no centro da cidade e irão responder por falsificação de produto químico e associação criminosa.

Três homens foram presos pela Polícia Civil nesta terça-feira (30) por meio da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) em uma fábrica ilícita de agrotóxicos, que funcionava na rua Inácio Salomão no Parque Industrial Tanquinho, na zona norte de Ribeirão Preto.

De acordo com a Polícia, os vizinhos reportaram cheiros fortes de químicos vindo do Galpão e então resolveram fazer uma denúncia aos policiais.

Os agrotóxicos falsos eram produzidos em caixas d’água de mil litros cada, em seguida, a mercadoria era colocada em galões e então vendida na região de Franca.

Os homens foram encaminhados para a Central de Polícia Judiciária (CPJ), no centro da cidade e irão devem responder por falsificação de produto químico e associação criminosa.

Nenhuma postagem para exibir