Autor de feminicídio é preso pela Polícia Civil em Morro Agudo

Criminoso matou cuidadora de idosos de 39 anos com 18 facadas

Foto: Lúcio Mendes

A Polícia Civil do Estado de São Paulo prendeu o autor do crime de feminicídio na última quinta-feira (21) em Morro Agudo, cidade a 84 quilômetros de Ribeirão Preto.

O crime aconteceu mês passado, dia 12 de abril, após a cuidadora de idosos receber 18 golpes de faca quando saía do serviço. De acordo com informações de vizinhos, a vítima de 39 anos teria aberto o portão para o assassino entrar.

O crime aconteceu na casa onde a vítima trabalhava, e o corpo foi encontrado pelo filho da idosa que a mesma estava cuidando. 

Para a Polícia, há suspeita de crime passional, que é quando o crime acontece devido um impulso forte de raiva ou qualquer outra emoção, de forma não premeditada.

O feminicídio é crime previsto no Código Penal Brasileiro, e o autor pode pegar pena de reclusão de 12 a 30 anos, dependendo da ordem da justiça.