Educação financeira é para todos

Como educadora financeira escuto muito a frase, “educação financeira é para quem tem dinheiro, para os ricos”.

Claro que discordo, pois o objetivo de se educar financeiramente é para trazer qualidade de vida tanto no presente quanto no futuro. Ela ensina a construir um planejamento que visa o bem estar.

Tem pessoas que recebem R$ 2 mil por mês e vivem bem, organizados, com os pés no chão, com planejamento e conquistando suas metas aos poucos. Mas há outras que ganham R$ 10 mil e gastam o dobro antes mesmo do salário cair na conta, não conseguindo nem dormir a noite pensando nas dívidas, com um lar desestruturado por tantas brigas financeiras.

A causa número 1 de stress são por problemas financeiros.

A causa número 1 de divórcios são por problemas financeiros.

A causa número 1 de conflitos famíliares são por problemas financeiros.

Então sim, educação financeira é para todos!