Pague-se Primeiro

Confira a opinião de Carla Magalhães

“Pague-se a si primeiro”? Sim!

Essa é uma estratégia que inverte a lógica tradicional: em vez de dar prioridade às despesas – e esperar que no final do mês sobre algum dinheiro, foca-se nos objetivos de poupança e só depois nos gastos.

Para todas as outras contas sempre teremos um cobrador nós ligando para falar do atraso, isso nos pressiona a não deixar de pagar. Já guardar aquele dinheiro, sempre fica para o final no tal do “o que sobrar” e nunca sobra, pois o único cobrador no caso, é você.

Quando invertemos essa lógica e assim que o dinheiro cai na conta, uma parcela já é retirada para investimentos ou sua reserva de emergência por exemplo; para todo restante você dará um jeito, caso o dinheiro falte, você corta um supérfluo, faz uma renda.

Seu empenho é maior em pagar boletos de outras empresas, infelizmente. Então o desafio é cortar esse ciclo e mudar a rota da sua vida financeira.

Então não se esqueça: Pague-se primeiro.

Nenhuma postagem para exibir