Morre, aos 84 anos, Richard Barillari, pioneiro da odontologia em Ribeirão

Com problemas de saúde, ele foi vítima da Covid-19; solteiro e sem filhos, deixa os sobrinhos Carlo e Carla Barillari

Richard Barillari era apaixonado por animais e tinha a gaita como hobby - Foto: Acervo Pessoal
Continua depois da publicidade

Morreu nesta sexta-feira (18), aos 84 anos, em decorrência da Covi-19, o dentista Richard Barillari. Formando pela Universidade de São Paulo (USP) de Ribeirão, era um dos pioneiros da profissão na cidade.

Filho de Vicente Barillari Sobrinho e Noêmia Cimmino Barillari, ele se formou em 1967 e trabalhou na cidade por quase 40 anos, quando, por conta de problemas de saúde, acabou não exercendo mais a profissão. Atuou também na Prefeitura de Ribeirão Preto como odontologista, além de atender em Batatais, Franca e Brodowski.

Amante da boa música, tocava gaita e tinha verdadeira paixão por animais. “Ele passava horas brincando com os cachorros e também compondo músicas. Ela desenvolveu Alzhaimer, mas compor músicas e falar sobre o passado era como uma espécie de tratamento para ele”, conta Carla Barillari, advogada e sobrinha de Richard.

Solteiro e sem filhos, também era tio de Carlo Barillari, advogado e irmão de Carla. “Ele considerava eu e minha irmã como filhos que não teve”, conta Carlo. O corpo de Richard foi sepultado na tarde desta sexta-feira, sem realização de velório, por conta do Covid-19.

Nenhuma postagem para exibir