Conselho do Botafogo barra contraproposta e condiciona acordo a nomeação de representantes na SA

Em reunião realizada nesta segunda-feira (25), botafoguenses definiram espera por preenchimento de cargos na SA; conversas seguem abertas

Conselho do Botafogo Futebol Clube - Foto: Agência Botafogo

O Conselho Debilerativo do Botafogo decidiu suspender, até a posse dos novos integrantes do Conselho de Administração da Botafogo Futebol SA (BFSA), qualquer decisão envolvendo a nas negociações da proposta feita pela Trexx Empreendimentos, de Adalberto Batista. A Trexx propôs assumir dívidas do Botafogo Futebol Clube (BFC) em troca de algumas receitas do clube. A proposta inaugural foi recusada, mas uma contraproposta, cujos termos podem ser consultados aqui deve ser enviada à Trexx depois que a questão for resolvida. 

Continua depois da publicidade

“O Conselho decidiu que não faz sentido enviar qualquer proposta enquanto os membros indicados pelo Botafogo não assumirem seus cargos no Conselho da Botafogo SA”, informou Alfredo Cristovão, presidente do Conselho do BFC.

Hoje, dos quatro cargos que o clube dispõe no Conselho de Administração da SA, três estão tecnicamente vagos – dois representantes do BFC e um conselheiro independente nomeado pelo clube. O único representante do BFC nomeado, no momento, é Luiz Pereira. 

Ainda segundo Cristovão, a proposta, contraproposta, elaborada por uma comissão de seis conselheiros do BFC, já foi discutida e deverá abranger, entre outros pontos, a manutenção da atual estrutura da BFSA, na qual o Botafogo é majoritário, além de barrar um valor de 1% de juros que seria pago à Trexx pelos aportes feitos no BFC.

Conselho

Cristovão também condicionou as negociações à indicação do Conselho Fiscal da BFSA e à aprovação da contraproposta por todas as instâncias diretivas do Botafogo Futebol Clube. “Há um trâmite e todas as instâncias do clube vão ter ciência da proposta antes do envio”, disse.

A expectativa do BFC, segundo Cristivão, é que essas questões sejam resolvida até 5 de dezembro, data na qual, segundo ele, ocorre uma reunião do Conselho de Administração da BFSA. “Vamos esperar a posse dos nossos representantes e a adequação dos cargos para seguir com a aprovação, mas as conversas seguem acontecendo”, disse.