Chaim e Comercial desmentem site e negam negociação de parceria

Matéria foi publicada em site e negada tanto pelo clube quanto pelo empresário; boato circulou um dia depois de programa que mostrou contratos suspeitos no Botafogo

Chaim Zaher apresenta Mentoria Ribeirão - Foto: Reprodução

O empresário Chaim Zaher negou, nesta terça-feira (03), que esteja encabeçando uma negociação de parceria envolvendo o Comercial Futebol Clube ou qualquer outra equipe. O Comercial também negou a informação, veiculada, de forma absolutamente inverídica, pelo portal Futebol Interior nesta segunda-feira (02), mesmo dia em que Chaim comandou o programa Mentoria Ribeirão que debateu contratos obscuros entre Botafogo Futebol Clube e Botafogo Futebol SA.

De acordo com a matéria, Chaim capitanearia a busca de investidores no Oeste, que joga a Série B e firmaria uma parceria com o Comercial para jogar em Ribeirão. “Causa estranheza que esse assunto, completamente absurdo, venha à tona um dia depois do programa que mostrou todos os problemas e irregularidades nos contratos do Botafogo”, informa Chaim.

Procurado, José Lourenço, diretor do Comercial, também negou que a equipe negocie qualquer parceria. “Não existe nada de concreto. Infelizmente, temos que conviver com essas situações. Não é momento para isso, o time está em uma boa fase, e esse é o foco. Inclusive porque as parcerias que houve no Comercial foram catastróficas”, disse.

Negativa

Chaim ressaltou que está disposto a ajudar os dois times da cidade, Comercial e Botafogo, mas que não tem qualquer interesse no tipo de parceria. “Esse negócio já foi oferecido a mim há cinco anos, por meio de Gustavo Vieira, e eu não quis ser investidor no Botafogo. Estou disposto a ajudar os dois times, minhas portas estão abertas, mas essa parceria simplesmente não existe”, informou.

Para o empresário, o fato de o Grupo Thathi ter relevado detalhes do contrato que são prejudiciais ao Botafogo Futebol Clube pode ter relação com a divulgação de conteúdos mentirosos. “É um contrato malfeito, um acordo de acionistas malfeito. Então, essa notícia é maldosa. Vem com um carimbo muito forte, uma assinatura que é facilmente reconhecível. Tem as digitais de uma pessoa”, disse.

Outro lado

A reportagem do Grupo Thathi procurou o site Futebol Interior. Até o momento, não houve resposta.