Ensino fundamental da Rede Municipal volta 100% presencial a partir desta segunda (22)

Audiência nesta sexta-feira, dia 19, definiu que o retorno será na segunda-feira, dia 22, com o ensino presencial obrigatório

Imagem ilustrativsa de uma sala de aula Foto: Agência Brasil

Em audiência realizada na manhã desta sexta-feira, dia 19 de novembro, a Justiça do Trabalho homologou o acordo realizado entre a Secretaria Municipal da Educação e o Sindicato dos Servidores Municipais de Ribeirão Preto, Guatapará e Pradópolis sobre o retorno das aulas presenciais da Rede Municipal, que será 100% presencial e obrigatório para os 24.101 mil alunos do ensino fundamental, a partir de segunda-feira, dia 22.

“Planejar a Educação é uma tarefa que exige integração, responsabilidade, conhecimento e estratégias. Ainda hoje, abrimos o agendamento para a 3ª dose da vacina contra a Covid-19 para pessoas com mais de 18 anos que tomaram a 2ª dose até junho. Com isso, muitos profissionais da Educação já receberão essa dose de reforço.”, informou o prefeito Duarte Nogueira.

Para a educação infantil, as turmas de berçários e maternais poderão receber 100% das crianças matriculadas, desde que 50% dos alunos frequentem as escolas no período da manhã e a outra metade à tarde.  Para as crianças com idades entre 4 e 5 anos, das etapas I e II, segue o rodízio com atendimento presencial de até 50% da turma por dia, até o final do ano.

“É muito importante que nessa retomada 100% presencial, os pais e responsáveis nos ajudem para que todos os protocolos sanitários continuem sendo cumpridos e, assim, mantermos os índices pandêmicos sob controle”, pontuou o secretário da Educação, Felipe Elias Miguel.

Ainda de acordo com o secretário, todas as escolas estão prontas e preparadas para a volta de todos os estudantes. “A Secretaria da Educação trabalha desde o ano passado para que nossos alunos possam voltar às salas de aula, com total segurança. Todos os EPIs foram comprados, as adequações sanitárias executadas, e todos os protocolos que dispõem sobre a COVID-19 foram cumpridos”, finalizou.

Nenhuma postagem para exibir