Ribeirão Preto, 166 anos: terreno fértil para empreendedorismo e inovação

Cidade está na lista das mais empreendedoras do Brasil segundo o Índice Sebrae de Desenvolvimento Econômico Local, do Sebrae

Supera Parque - Foto: Divulgação

A cidade de Ribeirão Preto tem, nos últimos anos, se destacado sobretudo nas áreas econômica e no empreendedorismo no país. O mais recente Índice Sebrae de Desenvolvimento Econômico Local (Isdel 2.0) colocou Ribeirão Preto como a 7ª cidade mais empreendedora do país, graças a sua pontuação nos quesitos capital empreendedor, tecido empresarial (redes formais e informais de empreendedores e empresas), governança para o desenvolvimento, organização produtiva e competitividade.

A alta competitividade faz com que os atuais e futuros empreendedores de Ribeirão Preto busquem se preparar e qualificar melhor. A cidade se destaca pelas diversas iniciativas de apoio ao empreendedorismo inovador, os inúmeros cursos universitários e de especialização, além da vocação natural para negócios em áreas como da saúde e biotecnologia.

Entre as iniciativas, o Supera Parque é um dos atrativos para esses empreendedores, já que realizada diversas ações ao longo do ano como cursos, palestras, além de manter programas como o membership e de incubação. Anualmente, são mais de X empreendedores impactados com suas ações.

“Temos como proposito de fomentar e alavancar o empreendedorismo na nossa região. Com isso, temos conquistado grandes resultados que se traduzem nas diversas premiações recebidas pelo próprio complexo quanto pelos assistidos”, destaca Eduardo Cicconi, Gerente do Supera Parque.

Conheça mais sobre as histórias dos empreendedores de inovação de RP

Para os empreendedores locais, Ribeirão Preto é um terreno fértil para o desenvolvimento de seus negócios. Os ribeirão-pretanos Ebert Hanna e Felipe Grillo são exemplo de  empreendedores apostaram na cidade para impulsionarem seus negócios, permanecendo na terra natal.

Ebert Hanna, startup FastBio

Criado e nascido em Ribeirão Preto, Eber Hanna tem uma longa ligação com a cidade. Tem 17 anos de empreendedorismo, no qual fundou a FastBio, startup estratégica no desenvolvimento de pesquisas nos diversos serviços na área biológica com 11 colaboradores. “Tenho muito orgulho de ser de Ribeirão e contribuir para o desenvolvimento da cidade. Aqui, estou próximo aos meus estudos e qualificação”, conta.

Felipe Grillo

Doutor pelo programa de física aplicada a medicina e biologia (FAMB) da Universidade de São Paulo, Felipe Grillo idealizou seu negócio em 2012. Hoje, sua startup tem cinco colaboradores e já atendeu empresas por todo o país. “Ribeirão contempla um excelente polo de desenvolvimento para produtos da saúde e reúne muitos fatores que fomentam nossa atividade atual. Prova disso, foi que nós estivemos presentes na simulação da cirurgia das gêmeas craniópagas, cirurgia inédita até então na América Latina. Só sendo possível fazer parte dessa história por estar aqui”, comenta.

SUPERA PARQUE

O Supera Parque de Inovação e Tecnologia de Ribeirão Preto, gerido pela Fipase, é resultado de uma parceria entre a Universidade de São Paulo (USP), Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto e Secretaria de Desenvolvimento do Estado de São Paulo. Instalado no Campus da USP local, o Parque abriga a Supera Incubadora de Empresas, o Supera Centro de Tecnologia, a associação do Arranjo Produtivo Local (APL) da Saúde, o Polo de Inovação em Software (PISO), além do Supera Centro de Negócios.

Ao todo, são 95 empresas instaladas no Parque, sendo: 72 delas no Supera Incubadora de Empresas de Base Tecnológica; e 23 empreendimentos no Centro de Negócios. O Parque Tecnológico está em expansão com a urbanização de lotes para instalação de empresas e a implantação do Container Park, um novo complexo empresarial. Outras informações sobre o Parque estão disponíveis no site superaparque.com.br

Nenhuma postagem para exibir