Empreendimento de Ribeirão loca 65% de área com aquecimento do mercado imobiliário

Índice Fipe Zap mostra aquecimento do setor de locação comercial nos primeiros sete meses de 2021, após queda nos preços em 2020

Mercado imobiliário é opção para quem quer investir - Foto: Divulgação

O boletim FipZap, que monitora os preços de venda e locação de imóveis em 10 cidades, indicam que o valor médio de locação dos mais de 80 mil imóveis comerciais analisados subiu 1,04% em 2021. 

Na comparação com os últimos 12 meses (agosto de 2020 até julho de 2021), que somam queda de -0,09% o boletim indica recuperação nos preços e na demanda por imóveis comerciais.

O Dabi Business Park, hub empresarial de espaços corporativos, localizado na Zona Oeste de Ribeirão, já comercializou cerca de 13 mil m² de área disponível para locação na primeira fase do empreendimento. O volume representa 65% da área bruta locável da fase inicial do condomínio de aproximadamente 20 mil m².

Para Sérgio Fortes Guimarães, diretor da imobiliária, o resultado confirma que o mercado imobiliário para escritórios está aquecido também no município. “As empresas estão revendo ambientes corporativos, reestruturando relações de trabalho e este é um bom momento para buscar espaços mais adequados conforme suas novas necessidades. Essa movimentação deixa o mercado aquecido”, explica Fortes Guimarães.

Já quanto ao Raio X do segundo semestre, pesquisa da FipeZap indica um crescimento no número de pessoas que declaram ter adquirido um imóvel nos últimos 12 meses. Entre os primeiros seis meses do ano, a quantidade de pessoas cresceu de 10% para 14%.

A consulta foi feita com a participação de 1.910 pessoas entre os dias 12 e 9 de julho deste ano.

Nenhuma postagem para exibir