Por falta de iluminação, Curupira não ficará aberto até às 22h no horário de verão

Problemas com a iluminação do parque começaram no primeiro semestre deste ano

Por falta de iluminação pública o Parque Luiz Roberto Jábali (Curupira), na zona Leste de Ribeirão Preto, não permanecerá aberto até às 22h durante o horário brasileiro de verão. O problema que atinge várias áreas do local começou no primeiro semestre deste ano. Procurada pelo Grupo Thathi de Comunicação na época, a prefeitura informou que iria vistoriar a situação e providenciar a substituição das lâmpadas queimadas até a primeira quinzena de agosto.

“Já estamos em novembro e, até agora, a luz não foi restabelecida”, alega a aposentada Maria do Carmo Santiago que caminha no Curupira todos os dias. Segundo ela, a falta de luz acontece nas áreas de convivência, corrida e estacionamentos.

Desde 10 de julho deste ano, o parque é fechado duas horas mais cedo, às 18h, para que os devidos reparos sejam feitos durante a noite. Segundo a administração municipal, a medida preservaria a segurança dos frequentadores e facilitaria o trabalho.

Agora, no horário de verão, o local funcionará das 6h às 19h, todos os dias da semana. Já os parques Carlos Raya, Maurílio Biagi, Tom Jobim e Dr. Fernando de Freitas Monteiro da Silva (Parque das Artes) das 6h às 22h.

Procurada novamente pela reportagem, o executivo informou que “o Curupira está sendo fechado às 19h por conta da recuperação de iluminação no local”. No entanto, nenhuma previsão para o término do serviço foi divulgada.