Homem é investigado por abuso sexual em adolescente

Caso aconteceu no Parque Ribeirão, na zona oeste da cidade

Na noite desta segunda-feira (10), um adolescente acionou a polícia e denunciou que seu irmão, 14 anos, tinha sido abusado pelo amante da avó paterna. Após a denúncia, foi descoberto que a vítima sofria abuso desde os 11 anos. A avó tem um relacionamento com o investigado há quatro anos.

De acordo com o boletim de ocorrência, o adolescente narrou que quando abriu a porta do quarto da avó, encontrou o homem junto com a vítima sem roupas. No momento do flagra, o investigado fingiu que estava dormindo e se cobriu. O irmão ainda tentou conversar com a vítima, mas ele chorava e não disse nada naquele momento.

Ainda segundo o B.O, a testemunha tentou pegar a vítima na escola, porém sendo adolescente, não foi autorizado, então o adolescente decidiu acionar a polícia para comparecer na escola. A polícia militar conversou com os dois irmãos e descobriu que a vítima sofria abuso desde os 11 anos. A vítima ainda disse que comentou com a avó, que cuida deles desde pequenos, mas ela teria batido nele, dizendo que o menino era mentiroso e que não era para comentar com mais ninguém sobre os fatos. O adolescente relatou que o investigado investiu várias vezes.

A polícia então dirigiu para a casa da vítima, onde encontrou o homem e encaminhou todos para a Central de Polícia Jurídica (CPJ). O suspeito negou os fatos, alegando que existe uma conspiração contra ele. O Conselho Tutelar também compareceu na CPJ e, a partir de um acordo feito entre o Conselho e o tio dos adolescentes, a vítima e testemunha ficariam nas residências de outros familiares até apuração completa dos fatos. A vítima foi encaminhada ao Hospital das Clínicas Unidade Emergência, para atendimento médico especializado, bem como para a realização de Exame de Corpo de Delito.