Dia “D” de combate ao Aedes aegypti acontece nesta sexta-feira (15), em Ribeirão

Mosquito é o transmissor da dengue e de outras doenças como zika vírus, chikungunya e febre amarela

Foto: Divulgação.

O prefeito de Ribeirão Preto, Duarte Nogueira (PSDB), e o secretário Municipal da Saúde, Sandro Scarpelini, acompanharam na manhã desta sexta-feira (15) o início dos trabalhos do dia “D” de Combate ao Mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue e outras doenças como zika vírus, chikungunya e febre amarela.

Considerado o maior mutirão de limpeza dos últimos anos na cidade, a ação envolve mais de 350 pessoas, entre agentes de combate de endemias, agentes comunitários de saúde, entre outros servidores, 38 caminhões cedidos por empresas voluntárias e 40 vans. O trabalho é concentrado nos bairros das zonas norte e oeste, por ser as regiões com maior número de casos confirmados da dengue.

A diretora do Departamento de Vigilância em Saúde, Luzia Marcia Romanholi Passos, ressalta a importância das ações de mobilização aliadas à conscientização da população como os únicos caminhos para evitar a proliferação das doenças transmitidas pelo mosquito.

“Pedimos às pessoas que ajudem nessa mobilização e já se preparem, que deixem separado somente o que é considerado possível criadouro do mosquito para que possamos recolher com agilidade. A conscientização das pessoas é muito importante, além da coleta do material, orientamos sobre os riscos em deixar água parada nessa época de chuva, o que contribui para o aumento de proliferação do mosquito”, orienta.

Somente serão retirados recipientes que podem servir como potenciais criadouros do mosquito Aedes aegypti.