Câmara de Ribeirão abrirá CPI para investigar morte de aluno em escola

Lucas da Costa Souza, 13, morreu no interior do Cemei Professor Eduardo Romualdo de Souza. Segundo o Boletim de Ocorrência, a suspeita é de que ele tenha sofrido parada cardiorrespiratória após uma descarga elétrica, ao tentar escalar um portão do local. 

O vereador de Ribeirão Preto Isaac Antunes (PR) protocolou nesta segunda-feira (3) um pedido de abertura de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar a morte do estudante Lucas da Costa Souza, 13, no interior do Centro Municipal de Educação Infantil (Cemei) Professor Eduardo Romualdo de Souza, na tarde da última sexta-feira (30). Segundo o Boletim de Ocorrência, a suspeita é de que ele tenha sofrido parada cardiorrespiratória após uma descarga elétrica, ao tentar escalar um portão do local.

Em entrevista ao Grupo Thathi, o vereador explicou como deve funcionar o processo. Além dele, o presidente do Conselho Municipal de Educação, Márcio Silva, também se posicionou sobre a morte. Confira. 

Em nota, a Secretaria de Educação informou que “é feita manutenção regular na escola”. A pasta disse que está colaborando com a investigação e que aguarda a conclusão do laudo do IML.

“No dia do ocorrido, a Secretaria Municipal da Educação esclarece que acionou o Samu, imediatamente após o aluno da Cemei Eduardo Romualdo de Souza sofrer uma queda ao subir em um portão de dois metros de altura. Ao chegar na escola, cinco minutos após o chamado, a equipe do Samu encontrou a vítima em parada cardiorrespiratória. Foi realizado, por quase uma hora, o procedimento de ressuscitação, porém não houve reversão”.